ENCONTRO: EDUCADORA ESCLARECE DÚVIDAS DA PLATEIA

/, Educação em Casa, Encontro com Fátima Bernardes/ENCONTRO: EDUCADORA ESCLARECE DÚVIDAS DA PLATEIA

Fonte: Globoplay

A educadora Andrea Ramal participa do quadro “Tô querendo saber”, do programa Encontro com Fátima Bernardes, e dá dicas para melhorar o desempenho escolar dos filhos.

Comprometimento para estudar

Mãe de uma menina e um menino, Cássia pergunta qual é a forma mais leve de cobrar responsabilidade e comprometimento dos filhos com os estudos.

A doutora em Educação pela PUC-Rio explica que a forma mais leve nem sempre existe. “Claro que não estou falando de palmadas e castigos excessivos, mas os pais precisam colocar limites. Como sempre comento, uma criança sem limite é um adulto sem futuro. Os responsáveis precisam cobrar. Se o adolescente ainda não fez o dever de casa, então não pode sair com os amigos e não pode usar jogos eletrônicos. Os filhos precisam estudar todos os dias, ler diariamente e fazer tudo com antecedência para não deixar acumular tarefas e matérias. O papel é dos pais de dizer não nos momentos certos”, aconselha a especialista.

Convidada do programa, a cantora Mariene de Castro, que é mãe de quatro filhos, conta como é a vida escolar deles.

Estudo diário

Já Cristiane Fernandes pergunta como conscientizar a filha de 11 anos a separar um período para estudar todos os dias.

Andrea Ramal explica que a forma de ensinar mudou bastante. Hoje, as escolas estão mais preocupadas em motivar o aluno e estimulá-lo a querer aprender e descobrir novas informações. Porém, os pais também precisam conscientizar crianças e jovens de que nem sempre é possível aprender se divertindo. É importante explicar que os momentos prazerosos também virão quando o aluno conseguir uma nota alta, quando se desafiar e conseguir resolver uma questão difícil ou quando passar de ano direto”, destaca a educadora.

Falta de foco

Sandro Gonçalves conta que o filho tem problemas de concentração para estudar. “Como faço para ele ter mais atenção na escola e nos estudos em casa?”, indaga o pai.

“Essa é a pergunta do século! A maior questão de hoje é como fazer as pessoas focarem. Não só para crianças, mas também para os adultos. Atualmente, temos várias janelas abertas ao mesmo tempo, várias pessoas falando com a gente no celular e fazemos diversas atividades ao mesmo tempo. Quando temos diversas janelas abertas no computador, nosso cérebro também cria várias janelas. Para focarmos, precisamos ter autodisciplina. Minha dica para os pais é fazer um ambiente de estudo para as crianças. Pode ser apenas 20 minutos, mas nesse tempo o filho não pode usar o celular, assistir televisão ou conversar com os amigos. Nesse período, o filho precisa estudar ou ler um livro. Depois, pergunte para seu filho: o que você aprendeu com isso, pode resumir com suas palavras? Assim, a criança ou o jovem vai aprender que precisa focar em apenas uma atividade”, aconselha a educadora.

Se você se interessou pelo tema abordado nas linhas acima e deseja se aprofundar no assunto, então não deixe de ler o artigo Precisamos de parcerias entre famílias e escolas.

Assista!
2022-04-07T14:43:36+00:00