CAMPOS DE EXPERIÊNCIA NA PRÁTICA: COMO TRABALHAR “ESCUTA, FALA, PENSAMENTO E IMAGINAÇÃO” NA EDUCAÇÃO INFANTIL

/, Profissão Professor, Tendências/CAMPOS DE EXPERIÊNCIA NA PRÁTICA: COMO TRABALHAR “ESCUTA, FALA, PENSAMENTO E IMAGINAÇÃO” NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Crédito: Getty Images

Fonte: Nova Escola Autor: Lucas Santana

 

Como você tem aplicado os Campos de Experiência da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) na sua escola? Para buscar essa resposta, a revista Nova Escola conversa com profissionais de todo o país para conhecer suas propostas e entender como cada um tem elaborado atividades para traduzir a Base da Educação Infantil em experiências pedagógicas ricas para bebês e crianças. Já abordamos boas práticas ligadas aos campos “O eu, o outro e o nós”, “Corpo, gestos e movimentos” e “Traços, sons, cores e formas”. Agora, entramos no Campo “Escuta, fala, pensamento e imaginação”.

Nesta série, na qual já abordamos “O eu, o outro e o nós” , “Corpo, gestos e movimentos” e “Traços, sons, cores e formas” trazemos exemplos de atividades que professores de todo o país estão desenvolvendo com bebês e crianças tendo como base os Campos de Experiência. Desta vez, vamos tratar sobre o campo “Escuta, fala, pensamento e imaginação”.

O quarto Campo de Experiência da BNCC é aquele que valoriza a comunicação como potencializadora do desenvolvimento infantil. “É a dimensão que envolve a capacidade de se comunicar e expressar. É o início do gosto pela leitura e escrita, da habilidade de contar e ouvir histórias. Liga-se ao conhecimento do mundo, à imaginação e à percepção”, explica a consultora e doutora em Educação pela PUC-Rio Andrea Ramal.

Leia a matéria completa
2019-05-21T20:33:20+00:00