RJ1: MP QUE REDUZ DIAS LETIVOS DIVIDE OPINIÕES

/, Educação no País/RJ1: MP QUE REDUZ DIAS LETIVOS DIVIDE OPINIÕES

Fonte: RJ1

 

A medida provisória do Governo Federal que reduziu os dias letivos nas escolas e universidades divide opiniões entre especialistas. Segundo reportagem do RJTV 1ª edição, no Rio de Janeiro, colégios públicos do município e algumas escolas privadas optaram por aulas online, porém não são todos os alunos estão com esse tipo de ensino garantido.

A MP suspende a exigência mínima de 200 dias letivos por ano. Na educação básica, a obrigação de, pelo menos, 800 horas aulas continua. Já as universidades que adotarem uma quantidade menor que os 200 letivos poderão abreviar a duração dos cursos de Saúde, desde que os alunos de Medicina cumpram, no mínimo, 75% da carga horária do internato. O mesmo vale para alunos de Enfermagem, Farmácia e Fisioterapia em relação ao estágio obrigatório. No caso das escolas de ensino básico, uma das possibilidades é manter o ensino a distância, como muitos colégios do Rio de Janeiro vêm fazendo. 

“Ainda não sabemos as horas devidas porque não temos uma data determinada para o retorno às aulas. E, mesmo quando recebermos essa informação, não poderemos acelerar o ritmo de aprendizagem das crianças. É um risco tentar repor essas semanas de estudo com atividades complementares aos sábados e domingos, com carga horária de até doze horas por dia. Estaríamos acelerando, indevidamente, a aquisição de conteúdos que, como sabemos, tem um tempo recomendado para acontecer”, alerta Andrea Ramal, consultora em Educação.

Assista!
2020-04-02T17:23:53+00:00