Perfil

/Perfil
Perfil 2018-12-07T10:59:12+00:00
Andrea Ramal

Andrea Ramal é educadora e escritora. Doutora em Educação pela PUC-Rio, atua como comentarista sobre o tema na Rede Globo, no Encontro com Fátima Bernardes. É colunista do G1.

Desde muito jovem dedicou-se à educação. Foi professora de português, literatura e redação ao longo de 20 anos, atuando da alfabetização ao ensino médio e na EJA (Educação de Jovens e Adultos). Implementou programas de formação de professores em diversos países. Foi consultora do MEC. É uma das fundadoras da ID Projetos Educacionais. Membro do Conselho de Desenvolvimento da PUC-Rio. Dirige o GEN Educação, desenvolvendo soluções educacionais para o ensino superior presencial e à distância, com ênfase nas metodologias ativas como Sala de Aula Invertida e outras.

Visão sobre Educação: “Sou entusiasmada pela inovação na educação através do uso consciente e crítico de mídias e tecnologias como ambientes de aprendizagem. Defendo a democratização do ensino, a reforma da qualidade na educação pública brasileira e a qualificação e valorização dos educadores, através de políticas consistentes e continuadas. Entendo a escola articulada com a comunidade e a vida concreta. Defendo a formação integral do estudante, voltada para a autonomia intelectual e a cidadania ativa e comprometida. Acredito numa sala de aula dialógica, inclusiva e plural, espaço de construção de novas identidades, capazes de se engajar na construção de uma sociedade justa, democrática, solidária e sustentável”.

  • Foi consultora da Fundação Roberto Marinho na formação de 3.500 professores das escolas públicas de Goiás, no projeto Multicurso Matemática.
  • No Projeto Estação da Luz, desenhou e apoiou a capacitação de 5.500 educadores da área de Português, Literatura, Artes e História, voltada para usar o Museu da Palavra como ambiente de aprendizagem.
  • Também com a Fundação Roberto Marinho, e a parceria do Centro Paula Souza, participou do desenho do programa Telecurso TEC. 
  • Junto com Silvina Ramal, escreveu os sete livros didáticos do programa, que foram distribuídos para mais de 150 mil estudantes brasileiros.
  • Foi consultora do MEC para projetos de ensino médio integrado.
  • Apoiou a Secretaria de Educação da Bahia em projetos de diversas universidades.
  • Implantou programas de formação docente e de formação de lideranças em escolas e instituições de ensino superior em vários estados brasileiros e também na Colômbia, Chile, Uruguai e Paraguai. 
  • Desenvolveu, com o apoio de fundações internacionais, projetos pioneiros na área da educação com tecnologias, como os materiais multimídia “Educar para a Paz” e “Solidariedade”, voltados para a formação em valores. Estes materiais foram distribuídos gratuitamente para escolas públicas situadas em áreas de risco social, em países como Brasil, Paraguai, Chile e Colômbia.
  • Foi responsável pela redação final do Projeto Educativo Comum, que norteia a ação educacional das escolas (96 colégios em 19 países), universidades (30 instituições em 14 países) e centros de educação popular (quase mil instituições em 19 países) dos jesuítas na América Latina e Caribe. 
  • Criou, no Museu da República, o projeto “Janela Educativa”, com atividades na internet voltadas para aprender história do Brasil e para a formação do aluno como agente de mudança da história, todo inspirado no acervo do Museu.
  • Em 2001, fundou, junto com Silvina Ramal, a consultoria ID Projetos Educacionais, atuando na implementação de programas educacionais em
    universidades corporativas das principais organizações brasileiras. A empresa já capacitou mais de 300 mil pessoas em diversos estados
    brasileiros.
  • Foi consultora na Vale, na estruturação e no desenvolvimento de programas educacionais da Valer – Universidade Corporativa Vale.
  • Atuou como consultora em projetos de educação corporativa e formação profissional em diversas empresas, entre elas: Petrobras
    Distribuidora, Vale e Grupo Pão de Açúcar.
  • Em 2012, passou a atuar como consultora de educação da TV Globo e, em 2014, também como colunista do tema no G1.
  • É roteirista de programas de TV e multimídia voltados para temas de educação.
  • Dirige o GEN Educação, desenvolvendo soluções educacionais para o ensino superior presencial e EAD, com ênfase nas metodologias ativas como Sala de Aula Invertida e outras.
  • Estudou na Escola Municipal Albert Schweitzer, em Laranjeiras, no Rio de Janeiro, até o 3o ano do ensino fundamental.
  • No Colégio Sion, no Rio de Janeiro, terminou o ensino fundamental e médio.
  • Graduou-se em Letras (Português / Inglês, com licenciaturas).
  • Foi professora do Colégio Sion no final da década de 80, por cinco anos.
  • A partir de 1990, foi professora de Português e Literatura no Colégio Teresiano e no Colégio Santo Inácio, do Rio de Janeiro.
  • Ao mesmo tempo, atuou por dez anos como professora na educação de jovens e adultos (EJA), no curso noturno do Colégio Santo Inácio, com estudantes do morro Dona Marta, Rocinha e outras comunidades.
  • Mestrado em Educação na PUC-Rio, com a orientação de Leandro Konder, deu origem ao livro “Pedagogia em Tempos de Crise” (Edições Loyola).
  • No final dos anos 90, passou a atuar na formação de professores e gestores de escolas e universidades, no Brasil e diversos outros países.
  • Em 2001, concluiu os estudos de Doutorado na PUC-Rio, com orientação de Sonia Kramer. A tese derivou no livro “Educação na Cibercultura” (Artmed). 
  • A tese foi também destacada no Congresso Internacional Summit 2000, no Canadá, na conferência “Prácticas de lectura y escritura en el ciberespacio”.
  • Publica regularmente artigos em jornais e revistas especializadas.
  • Tem mais de dez livros publicados, sendo que um deles foi editado em seis países: Brasil, Itália, Colômbia, Equador, Chile, Venezuela. Todos os direitos autorais desta publicação foram doados para obras de educação popular.
  • Foi articulista da Revista Guia da Internet.br, com uma coluna sobre Educação. 
  • Realiza palestras em eventos do Brasil e do exterior.
  • Participa como avaliadora em bancas de teses de doutorado em diversas universidades brasileiras.
  • Redação Excelente – São Paulo: Método, 2018. 3a. Edição.
  • Filhos Bem-Sucedidos. Rio de Janeiro: Sextante, 2013.
  • Educação Corporativa – Fundamentos e Gestão. Rio de Janeiro: LTC, 2012.
  • Depende de você – Como fazer de seu filho uma história de sucesso. Rio de Janeiro: LTC, 2011.
  • Educação na Cibercultura: Hipertextualidade, Leitura, Escrita e Aprendizagem. Porto Alegre: Artmed (Artes Médicas), 2002.
  • Telecurso TEC – Curso de Administração Empresarial (3 volumes). Fundação Roberto Marinho, 2007. (com Ramal, Silvina Ana).
  • Telecurso TEC – Curso de Gestão de Pequenas Empresas (2 volumes). Fundação Roberto Marinho, 2007. (com Ramal, Silvina Ana).
  • Telecurso TEC – Curso de Secretariado e Assessoria. (2 volumes). Fundação Roberto Marinho, 2007.  (com Ramal, Silvina Ana).
  • Hacia un proyecto educativo común. São Paulo: Edições Loyola, 2004.
  • Histórias de Gente que Ensina e Aprende. São Paulo: Edições Loyola, 2003.
  • Construindo Planos de Negócios. Rio de Janeiro: Campus, 2003. (com Ramal, Silvina Ana; Salim, C. e Hochman, N.).
  • Lettera di S. Ignazio di Loyola a un educatore di oggi. Roma: AdP, 2005. (editado também no Brasil, Colômbia, Chile, Peru, Venezuela e Paraguai).
  • O Menino e a Flor. Rio de Janeiro: AGRED, 1988. (Infanto-juvenil).
  • Pedagogia em Tempos de Crise. São Paulo: Edições Loyola, 1997.
  • Tecnologias no Espaço Escolar. In: MULTIRIO. A escola, as mídias e a cultura digital. Rio Janeiro, MultiRio, 2014.
  • Educação, comunicação e mídia. No livro Conversa de Criança. Rio de Janeiro: Educação MULTIRIO/Prefeitura, 2004, v. 2.
  • Educação à Distância: entre mitos e desafios. No livro de: Lynn Alves; Cristiane Nova. (Org.). Educação à Distância: uma nova concepção de aprendizado e interatividade. São Paulo: Siciliano, 2003.
  • A Hipertextualidade como Ambiente de Construção de Novas Identidades Docentes. No livro de: Lynn Alves; Cristiane Nova. (Org.). Educação e Tecnologia: Trilhando Caminhos. Salvador: UNEB, 2003.
  • Educação com Tecnologias Digitais: Uma revolução epistemológica em mãos do desenho instrucional. No livro de: Marco Silva (Org.). Educação OnLine – Teorias, práticas, legislação e formação corporativa. São Paulo: Edições Loyola, 2003.
  • Didática da Linguagem: ensinar a ensinar ou ler e escrever?. No livro de: Sônia Kramer, Maria Luiza Oswald (Orgs.). Didática da Linguagem. São Paulo: Editora Papirus, 2001.
  • Educação e Novas Tecnologias. No livro de: Cecília Irene Osowski (Org.). Provocações da Sala de Aula. São Paulo: Edições Loyola, 1999.
  • Biografia Comentada de Artur Alonso. In: PROEDES – UFRJ. (Org.). Dicionário de Educadores Brasileiros. 1a. ed. Rio de Janeiro: PROEDES/UFRJ, 1999.
  • Língua Portuguesa: O que e como ensinar. In: MEC – Secretaria de Educação à Distância. (Org.). Educação de Jovens e Adultos. 1a. ed. Brasília: MEC, 1999. Livros Didáticos.