DESAFIOS PARA EDUCAÇÃO DO RIO DE JANEIRO EM 2020: O QUE ESPERAR?

/, Educação no País/DESAFIOS PARA EDUCAÇÃO DO RIO DE JANEIRO EM 2020: O QUE ESPERAR?

Foto: Divulgação

 

Fonte: CBN

No ‘Escola da Vida’, a educadora Andrea Ramal fala das expectativas para a área da educação em 2020. Na comemoração de um ano do quadro, a Doutora em Educação pela PUC-Rio ressaltou que alguns dos principais desafios são o déficit de vagas no Ensino Médio e a implantação da educação em tempo integral.

“Assim como as pessoas se organizam e se colocam metas para o ano novo que chega, espero que o estado e o município do Rio de Janeiro também repensem o futuro da educação. Como sabemos, a educação pública não vai nada bem”, avalia.

“Nas últimas avaliações, as notas no estado do Rio de Janeiro foram ruins. Nos recentes levantamentos do Ideb, notamos que estamos estagnados no ensino médio, que é o grande gargalo da educação brasileira e do estado do Rio. O Ideb é um resultado das provas de Português e de Matemática e do índice de evasão escolar e repetência”, ressalta Andrea.

Desafios

“Um dos principais desafios é o déficit de vagas no Ensino Médio. É essencial que todos tenham a oportunidade de estudar. Parece básico, porém começamos o ano de 2019 com 20 mil alunos sem vaga. Como vamos melhorar o desempenho do aluno se ele nem tem uma escola boa para estudar? Outro desafio é a implantação da educação em tempo integral. O secretário Pedro Fernandes prometeu dobrar, em 2020, o número de escolas em tempo integral. No entanto, não adianta aumentar o número de horas no colégio, é preciso também pensar o que será oferecido ao estudante. Haverá professor motivado e capacitado para fazer algo diferente no tempo integral? Será que haverão recursos, laboratórios e currículo renovado? Se muitos alunos não gostam da escola do jeito que está, dobrar o tempo de permanência pode deixar o aluno ainda mais desanimado”, analisa a educadora.

Ouça o boletim na íntegra!
2020-01-02T20:12:29+00:00